Tuesday, December 05, 2006

Saudade de quem não existe...

Ao contrário do comum dos mortais, que pelos vistos acorda super rabugento, eu acordo extremamente carinhoso...

E quão mais sono tenho, mais carinhoso fico, pelos vistos...

E acabo de acordar...

E estou cheio de sono...

E deu-me para escrever este post...

A sério, sinto-me com vontade de escrever um post intitulado "Mulher, procura-se"...

Só não o faço porque agora os anúncios de emprego têm que ter aquela parte do "M/F" e a coisa podia-me correr mal...

Mas um abraço sabia mesmo bem, agora...

Depois também há uma certa pessoa a quem me apetecia partir-lhe o nariz, mas isso é outra história... O:-)

Quem sabe um dia destes o gajo não tem mesmo o azar de se cruzar comigo numa rua deserta... ;-) Sim, que ele merece... :-)

Portanto, é isso... um abraço e um valente soco no nariz de uma certa pessoa...

Definitivamente, eu não sou normal... O:-)

Mas enfim, tenho sempre a desculpa da jetlag :-)