Wednesday, May 09, 2007

Nados e óbitos

Ele: Entre 1960 e 2002 morriam cerca de 100 000 pessoas por ano, em Portugal. Já o número de nascimentos tem baixado, vindo já desde os 210 000 para os 114 000 por ano.

Eu: Ou seja, o pessoal que ***** é que têm morrido...

Ela, com ar de quem tinha ouvido uma coisa estúpida: Meu Deus... Mas...

Eu: Mas nada! É óbvio! Mas tu achas que eles morriam de quê?