Monday, January 28, 2008

Coisas de Portuga...

O horário de visita ao Moskva era das 14h às 18h.

Chegamos lá pelas 14h10.

A fila era grande e avançava lentamente.

Valeu-nos o Pedro, que nos explicava o que era cada parte do navio à distância, durante as 2 horas que se seguiram.

Finalmente, lá entramos.

Uma hora depois, saíamos da embarcação, e passamos depois algum tempo de volta dela, a tirar mais fotos e a ver por fora o que tínhamos visto por dentro.

Ao abandonar a doca, o segurança, português, mantinha o portão fechado para não entrar mais ninguém, deixando apenas sair as pessoas que terminavam a visita (do lado de dentro do portão ainda havia uma fila suficiente para entreter a tripulação do navio durante bem mais de uma hora).

Do outro lado do portão, as pessoas resmungavam com o homem:

- É sempre a mesma m*rd*! Uma pessoa aqui na fila, chega aqui ao portão e depois não entra!

Desculpem, mas...

A "mesma m*rd*" de sempre é o pessoal que tem a mania que, se uma coisa termina às X horas, só tem que lá chegar cinco minutos antes.

Não, eu explico...

Amiguinhos, às X horas é quando se tem que sair. A hora de chegada tem que ser as X menos o tempo da visita.

E o mais impressionante é que, conforme nos afastávamos, continuávamos a ver famílias a estacionar o carro e a dirigir-se à doca...